Conecte-se Conosco

Parcerias

Aciap constrói história de parceria com o Porto de Paranaguá

Publicado

on

A relação da Associação Comercial, Industrial e Agrícola de Paranaguá (Aciap) com o Porto de Paranaguá começou há muito tempo com o objetivo de alinhar os objetivos e atuar em conjunto em prol do desenvolvimento econômico da região. A história da Aciap mostra como foi construída essa relação que até hoje traz resultados positivos ao município.

O presidente da Aciap, Eloir Martins, reforçou a importância de contribuir para o crescimento das atividades portuárias e como essa relação se faz presente atualmente. “A atual relação da Aciap com os Portos do Paraná tem sido a melhor possível, mesmo porque grande parcela dos nossos associados exerce, harmonicamente, as funções de operadores portuários. Acreditamos que os investimentos realizados, aliado aos sucessivos prêmios recebidos, ao sucesso das licitações das áreas, e a competência administrativa de toda equipe evidenciam um futuro promissor para a nossa economia”, afirmou Eloir.

De acordo com informações divulgadas pela Aciap, firmar o Porto de Paranaguá na preferência dos importadores e exportadores foi uma luta que a Associação enfrentou desde sua primeira reunião em 1923. Na data, houve a primeira decisão de solicitar ao diretor da Estrada de Ferro São Paulo – Rio Grande – Paraná a abertura do portão da Rua Pêcego Junior e a colocação de mais uma balança.

“A fim de facilitar a carga e descarga de vagões. A criação de uma comissão para mediar o conflito com os trabalhadores terrestres (estivadores), dada a insatisfação pelos salários, em 1925. A constante solicitação pela dragagem do Canal da Galheta desde a inauguração do cais do Porto de Paranaguá em 1935. A mediação do conflito entre terminais de granéis associados e os caminhoneiros, no período de escoamento de safra, devido à cobrança de diárias dos vários dias parados em longas filas na BR-277, aguardando para descarregar no Porto de Paranaguá, entre os anos de 2001 a 2003. Até a liberação de exportação de transgênicos no ano de 2007”, pontuou a Aciap.

História

A Aciap foi fundada em Paranaguá no dia 4 de outubro de 1923, com o nome de Centro Comercial de Paranaguá. Nasceu de um encontro dos treze fundadores na secretaria do Clube Republicano, onde foi aprovada e empossada a sua diretoria provisória.
Ao longo dos seus 98 anos, algumas conquistas e fatos importantes são destacados pela Aciap. Uma delas, em 1944, após insistentes pedidos da Associação Comercial de Paranaguá foi inaugurada a primeira agência do Banco do Brasil no município.

Em 1950, foi estabelecido, pela primeira vez, o horário para funcionamento do comércio. Em 1988, foi instalada a Junta Comercial na sede da Aciap. Em 1999, a Aciap assina Convênio com o Sindiadubos para gestão e administração das receitas e despesas advindas da manutenção de equipamentos utilizados na descarga de fertilizantes pelo Porto de Paranaguá. O citado convênio encerrou em 2001.

Em 2000, houve a assinatura de Convênio entre APPA (Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina) e Terminais de Granéis associados para execução de serviços de manutenção das instalações de uso comum do Corredor de Exportação do Porto de Paranaguá, que originou um Fundo de Manutenção do qual a Aciap foi gestora de 2000 a 2007.

Em 2005, aconteceu a assinatura de contrato entre Aciap e Terminais Redex para gestão e administração de um fundo a fim de contratar empresa especializada para disposição de link e armazenamento de dados com o objetivo de viabilizar o Sistema Tradex da Alfândega da Receita Federal em Paranaguá.

Em 2006, a Aciap encabeçou um movimento em defesa da cidade que culmina na edição da “Carta Aberta em Defesa de Paranaguá”. O documento foi elaborado com a colaboração das diversas câmaras setoriais da entidade e encaminhado a autoridades públicas e políticas, além de entidades representativas, com o objetivo principal de promover a melhora no relacionamento com a Autoridade Portuária, visando a busca de soluções legais e técnicas que atendessem as aspirações da comunidade portuária.

Com informações da Aciap

Continue lendo

Parcerias

Sesc e Senac na sua empresa

Publicado

on

O Sistema Fecomércio Sesc Senac PR está há mais de sete décadas ao lado das empresas paranaenses, ofertando uma série de serviços e benefícios que auxiliam no dia a dia dos empresários paranaenses. Você, empresário, sabia que pode levar o Sesc e o Senac para dentro de sua empresa?

Atendimento Corporativo Senac

O Senac tem a qualificação na medida certa para as necessidades de cada empresa do setor do comércio de bens, serviços e turismo, por meio de seu Atendimento Corporativo. São ações de qualificação profissional sintonizadas com a estratégia de negócios de cada organização e focadas em resultados. São diferentes modalidades, metodologias e recursos educacionais, todas elas desenvolvidas por meio de cursos de curta duração, cursos de qualificação e atualização profissional em áreas como: gestão, saúde, zeladoria, comércio, beleza, moda e design, hospitalidade, informática, segurança, gastronomia, turismo, idiomas.

Foto: Bruno Tadashi

O primeiro passo é uma visita dos consultores do Senac à empresa, para a realizar um diagnóstico e identificar as necessidades para desenvolver programas educacionais personalizados. Assim, os conteúdos são produzidos de modo específico e os programas são estruturados para atender várias áreas do conhecimento.

Entre as vantagens de contratar os serviços educacionais corporativos do Senac estão o reconhecimento nacional da qualidade da certificação Senac, além da flexibilidade para definição de carga horária, conteúdos, datas, horários e locais. As atividades podem acontecer em qualquer ponto do território estadual, seja nas instalações do Senac, da empresa, em outro espaço selecionado ou à distância.

Mantenha sua empresa em destaque no mercado. Invista na qualificação dos seus colaboradores. Solicite uma visita do Senac Paranaguá. Mais informações: www.pr.senac.br/atendimento_corporativo | (41) 3427-5900 | [email protected]

Sesc nas Empresas

O programa Sesc nas Empresas realiza atendimento personalizado direcionado às empresas comerciais, divulgando atividades e serviços aos empresários e colaboradores no seu próprio local de trabalho, apresentando alternativas para atendimento mediante o levantamento de suas necessidades. O programa possibilita o desenvolvimento de ações nas áreas de educação, cultura, assistência, esporte, saúde e lazer, visando ao desenvolvimento humano e profissional do nosso cliente preferencial.

A saúde e o bem-estar dos colaboradores são essenciais para a manutenção de um ambiente sadio de trabalho. Por isso, as empresas do comércio de bens, serviços e turismo que colocam o Sesc como benefício para os seus funcionários garantem a qualidade de vida deles e de seus dependentes, promovendo mais motivação à equipe e aumentando a sua produtividade.
Com o Cartão Sesc, seus colaboradores terão acesso a atividades físicas, alimentação saudável, nutrição, dentista, Educação Infantil, cursos de pré-vestibular e idiomas, viagens, hotéis, cursos de artes, música e dança, ações culturais, entre outros serviços. O Sesc realiza sem custo, contato online, além de visitas presenciais nas empresas a fim de apresentar os benefícios do Cartão Sesc.

O Sesc PR também pode atuar como parceiro das empresas que desejam investir em projetos socioambientais como de forma a contribuir com o desenvolvimento humano e com o meio ambiente. Com expertise nas áreas de Saúde, Lazer, Ação Social e Educação, com foco em idiomas, informática e tecnologias, o Sesc disponibiliza cursos e atividades que podem ser oferecidos à comunidade nos projetos sociais da sua empresa.

Entre em contato com a unidade Sesc Paranaguá e agende uma visita. Mais informações: www.sescpr.com.br/servico/sesc-nas-empresas | (41) 3427-5200 | [email protected].

Continue lendo

Parcerias

Governos do Paraná e Paraguai buscam ampliar parcerias via Porto de Paranaguá

Atualmente as mercadorias paraguaias saem do País por meio de barcaças

Publicado

on

Fotos: Jonathan Campos/AEN

O governador Carlos Massa Ratinho Júnior se reuniu no dia 26 de outubro, no Palácio Iguaçu, com o embaixador do Paraguai no Brasil, Juan Ángel Delgadillo. O encontro serviu para estreitar relações e prospectar novos projetos que possam ajudar no desenvolvimento de ambos os lados.

Ratinho Júnior ressaltou que o Paraná busca ampliar a parceria com o Paraguai, especialmente no aspecto logístico, comercial e energético, tanto via Porto de Paranaguá quanto via Itaipu Binacional. Atualmente, as mercadorias paraguaias saem do País por meio de barcaças pelos rios Paraná e Paraguai até os portos da Argentina e Uruguai. Há, porém, um movimento bilateral para retomar a parceria, extremamente forte e competitiva, até o início dos anos 2000.

Ratinho Júnior ressaltou que o Paraná busca ampliar a parceria com o Paraguai, especialmente no aspecto logístico, comercial e energético (Fotos: Jonathan Campos/AEN).

“O Porto de Paranaguá pode voltar a ser o grande terminal de escoamento da safra paraguaia pelo Oceano Atlântico. Há em andamento o projeto de novas concessões rodoviárias no Estado e também da construção da Nova Ferroeste, ações que vão diminuir o custo para quem exporta”, afirmou ele, destacando que o Paraguai é atualmente o terceiro maior produtor de soja do mundo.

O governador lembrou que está em andamento a obra de derrocagem da Palangana, em Paranaguá. Intervenção que vai permitir, muito em breve, a homologação de mais um metro de calado operacional, ampliando a possibilidade de atracagem de navios maiores, com mais volume de carga.

Energia

O governador afirmou ainda que já há uma grande sociedade em andamento por meio da Itaipu Binacional. Daqui a dois anos, em 2023, quando o tratado completar 50 anos, está prevista a revisão do Anexo C, que estabelece as bases financeiras e de prestação de serviços de eletricidade da usina. A negociação entre brasileiros e paraguaios ocorrerá no mesmo ano em que a empresa quitará todas as dívidas contraídas para a construção da usina.

“Estamos à disposição e em busca de projetos que possam resultar no crescimento regional, que sejam tão bons para o Paraná quanto para o Paraguai”, destacou Ratinho Júnior.

O embaixador Delgadillo disse acreditar que a comunhão de esforços e o bom ambiente político ajudam na costura de novas ações em conjunto. “Os projetos de infraestrutura do Paraná são relacionados à diminuição de custos, o que interessa sobremaneira ao Paraguai”, afirmou. “Tenho certeza de que podemos ampliar a parceria em relação ao Porto de Paranaguá e também usar ainda mais a usina de Itaipu como indutor do desenvolvimento de toda a região”, ressaltou o embaixador.

Presenças

Participaram do encontro o vice-governador Darci Piana; o chefe da Casa Civil, Guto Silva; o diretor-presidente da Copel, Daniel Pimentel Slaviero; Bráulio Pupim, diplomata do Escritório de Representação do Itamaraty no Paraná (Erepar); o primeiro-secretário da Embaixada do Paraguai no Brasil, Fernando Lopez Closs; e o cônsul-geral do Paraguai em Curitiba, Carlos José Fleitas Rodríguez.

Fonte: AEN

Continue lendo

Parcerias

Nós somos o Ascensus Group!

Com 20 anos de mercado, o Ascensus Group é especialista em aproximar pessoas e negócios, através de soluções customizadas

Publicado

on

Atualmente, com uma infraestrutura moderna e equipe especializada, o Ascensus Group tem o compromisso de tornar os clientes mais competitivos e otimizar resultados pelos processos de comércio exterior, distribuição e logística, finanças e tributos, e energia.

Estamos localizados estrategicamente nas principais capitais do Brasil, além de EUA e Europa.

Agora, estamos chegando em Paranaguá, com uma nova vertical de negócios.

A partir de 2022, o Ascensus Portos chega em Paranaguá para realizar a logística de importação e exportação de veículos, através do Porto da cidade, investindo em um novo terminal de veículos moderno e inteligente, aumentando ainda mais a eficiência do Porto de Paranaguá.

Vamos agregar valor e ampliar nossa capacidade de serviços, potencializando a estrutura sob todos os aspectos: armazenagem, movimentação e serviços acessórios.

Oinvestimento traduz nossa confiança e visão de negócios no enorme potencial do Porto e do município!

Com investimento inicial de R$ 50 milhões, o Grupo visa realizar a movimentação de cargas Ro-Ro (veículos, carga projeto, máquinas e equipamentos).

Entre em contato para conhecer mais sobre os nossos serviços:

[email protected]

O seu negócio é a nossa missão!

Continue lendo